Visita de alunos da APAE Itatiba

Hoje a nossa empresa teve a honra de receber um simpático grupo de alunos da APAE Itatiba para divulgação de seu projeto de inclusão de portadores de necessidades especiais no mercado de trabalho. Esperamos ter colaborado com o conhecimento de cada um!

Amamos a visita, e esperamos pela próxima turma no mês que vem!

Voltem mais vezes!!!

#APAE #APAEItatiba

Ciclo de Vida das Empresas

No último 04 de julho, nossos funcionários assistiram à palestra “Ciclo de Vida das Empresas”. O grupo Altimar & Zucatoys promoveu esse evento para que nosso time ficasse mais inteirado sobre cada ciclo de vida que as empresas passam, e, mais importante, em que ciclo estamos e onde queremos chegar.

Descobrimos que estamos na fase da adolescência, e aprendemos sobre os desafios dessa fase e também quais os aprendizados e decisões que temos que tomar para passar para a próxima fase, a plenitude. A fase da adolescência é uma fase difícil, em que importantes mudanças na estrutura da empresa são implantadas. Acima de qualquer opinião, inclusive de seu fundador, todas essas mudanças são feitas visando a coletividade, o bem e saúde da empresa. Uma fase trabalhosa, mas que valerá a pena quando tivermos passado por ela e entrado na plenitude!

Gratidão ao nosso querido palestrante Michel Vieira, da Zaros Escola de Negócios, que nos ensinou esse assunto tão importante! Nos divertimos muito com as dinâmicas e aprendemos melhor com a leveza de sua aula.

Gratidão também a todos que compareceram na palestra.

Agora vamos que vamos, continuando a avançar sempre!

 

Abaixo, confira algumas fotos e vídeo do nosso evento.

Benefícios da imaginação na infância

O encorajamento da imaginação e criatividade de uma criança é tão importante quanto seu desenvolvimento físico ou emocional; inclusive a imaginação influencia diretamente no desenvolvimento físico e emocional de uma criança.

Imaginar brincando é um jeito divertido das crianças criarem histórias com perspectivas diferentes, estimulando o crescimento social, intelectual, emocional e físico. Problemas criativos permitem que as crianças pensem além do óbvio e que possam ultrapassar os obstáculos da vida com confiança.

Estudos mostram que brinquedos que estimulam a imaginação ajudam a criança a ter mais engajamento emocional, consideração por outros e compreensão assim como menos egoísmo, agressão e raiva.

 

Podemos apontar 5 benefícios que a imaginação tem no desenvolvimento infantil:

1. Desenvolvimento de linguagem – quando a criança tem espaço para se expressar sem medo de ser corrigida, ela automaticamente explora novas palavras, linguagens, sotaques e idiomas (mesmo que fictícios).

 

2. Desenvolvimento físico – melhor coordenação motora, uso do espaço e movimentação são encorajadas em brincadeiras criativas.

 

3. Desenvolvimento social – quando a criança imagina possíveis cenários, problemas, situações, conflitos e resoluções, ela aprende a lidar com diferentes personalidades e adversidades de maneira mais saudável.

 

4. Desenvolvimento emocional – ao imaginar cenários diferentes, a criança também imagina emoções que seus personagens podem sentir (negativas ou positivas), o que estimula a empatia e cuidado ao próximo.

 

5. Habilidades mentais – pensamento crítico e resoluções criativas para problemas se tornam mais fáceis para crianças que são estimuladas a pensar em soluções.

Imaginação é o processo de criar experiências que transcendem a situação atual, que permitem explorar ou criar possibilidades e impossibilidades. É importante também para entender os pensamentos e comportamentos humanos.

A imaginação não é apenas mera brincadeira de criança; ela pode ter efeitos sociais como influenciar uma escolha de carreira, uma reforma social ou desenvolver um talento. Por isso se torna primordial no bom desenvolvimento de qualquer criança para resultar em uma vida adulta plena e saudável.

Paticipação da Zucatoys na Expotoys

A Zucatoys esteve presente na Expotoys nos dias 24 – 25 e 26 de junho em São Paulo.

Levamos as novidades e os lançamentos de 2018. Recebemos vários clientes e a visita de milhares de pessoas que estiveram no evento.

 

Zucatoys é destaque no portal G1 durante a ABRIN

Fabricantes de brinquedos se livram do cor-de-rosa para atrair meninos às panelinhas

Por Ana Carolina Moreno, G1

Para atrair os meninos (e suas famílias) , fabricantes de brinquedos 'apagam' o cor-de-rosa dos kits de cozinha e cuidados de casa para as brincadeiras infantis — Foto: Ana Carolina Moreno/G1
Para atrair os meninos (e suas famílias) , fabricantes de brinquedos ‘apagam’ o cor-de-rosa dos kits de cozinha e cuidados de casa para as brincadeiras infantis — Foto: Ana Carolina Moreno/G1

Motivadas pela demanda das famílias, opinião pública e tendências de mercado, as iniciativas para “apagar o gênero” dos brinquedos têm dado maior resultado na inclusão das meninas em brincadeiras historicamente atribuídas a meninos, como carrinhos e super-heróis, do que o contrário. Segundo fabricantes de brinquedos ouvidos pelo G1 na 35ª Feira Internacional de Brinquedos (Abrin), que aconteceu na semana passada em São Paulo, o maior desafio é atrair mais pais e filhos homens às brincadeiras de casinha, consideradas “coisa de menina”.

Para tentar equilibrar a expansão de todos os brinquedos para ambos os gêneros, eles apostam algumas de suas fichas em produtos unissex, caracterizados principalmente pela ausência do cor-de-rosa.

Nova demanda dos consumidores

Um passeio pelos estandes do evento, que acontece no Expo Center Norte, na Zona Norte da cidade, mostra diversas alternativas de brinquedos que fogem dos estereótipos, embora elas ainda representem uma minoria do que está sendo oferecido aos visitantes e compradores.

Maior feira de brinquedos da América Latina, a Abrin neste ano tem 130 expositores e espera um público de 15 mil pessoas do setor. Renato Pereira é um deles. Diretor da Zuca Toys, uma fábrica que fica em Itatiba (SP), ele vende brinquedos populares e começou a fabricar kits de cozinha há 15 anos. “Naquela época todo mundo fazia assim, rosa. Está meio que no inconsciente da gente”, explicou ele. Para não ficar monocromático, a escolha era sempre acompanhar o rosa com o lilás para esses jogos, classificados como “reprodução do mundo real”.

Foi só em 2015 que a fábrica decidiu lançar seus primeiros jogos de cozinha com cores diferentes, visando o público masculino. A reação foi para ouvir alguns pedidos que apareciam de mães que escreviam à fábrica pelo site e acompanhar tendências.

“As mães começaram a mudar o hábito, dizem que querem ensinar o filho a cozinhar para ser independente quando morar sozinho, para ser um bom marido. Elas falam que é para ter mais igualdade no casamento. Nunca pensamos que poderia ser lúdico assim.”

Segundo Renato Pereira, diretor da Zuca Toys, atualmente 20% das vendas de kits de cozinha são nos modelos coloridos, que não usam o rosa — Foto: Ana Carolina Moreno/G1Segundo Renato Pereira, diretor da Zuca Toys, atualmente 20% das vendas de kits de cozinha são nos modelos coloridos, que não usam o rosa — Foto: Ana Carolina Moreno/G1

Segundo Renato Pereira, diretor da Zuca Toys, atualmente 20% das vendas de kits de cozinha são nos modelos coloridos, que não usam o rosa — Foto: Ana Carolina Moreno/G1

Atualmente, a Zuca Toys oferece kits de cafeteria, utensílios para lavar louça, passar roupa, jogos de panelinha e outros itens, em jogos ou avulsos, tanto em rosa quanto em outras opções, principalmente em vermelho. Em três anos, Pereira afirmou que os kits neutros já respondem por 20% das vendas.

“A gente começou a escutar o mercado. Desses 20% eu não sei quanto é para menino ou para meninas. Mas acho que esses 20% mostram uma demanda que estava reprimida.”

Desde 2015, a Zuca Toys oferece brinquedos populares de cuidados com a casa em versões coloridas, para atender às mães que querem ensinar igualdade de gênero aos filhos meninos — Foto: Ana Carolina Moreno/G1Desde 2015, a Zuca Toys oferece brinquedos populares de cuidados com a casa em versões coloridas, para atender às mães que querem ensinar igualdade de gênero aos filhos meninos — Foto: Ana Carolina Moreno/G1

Desde 2015, a Zuca Toys oferece brinquedos populares de cuidados com a casa em versões coloridas, para atender às mães que querem ensinar igualdade de gênero aos filhos meninos — Foto: Ana Carolina Moreno/G1